Tag: Arbitrariedade

Deyvid-Bacelar.jpg
9 de abril de 2021

09/04/2021- O SINTSEF-BA manifesta sua solidariedade ao Coordenador Geral da Federação Única dos Petroleiros (FUP), Deyvid Bacelar, suspenso por 29 dias numa decisão arbitrária da Gerência Geral da Refinaria Landulpho Alves (RLAM), na Bahia. Como se sabe, a FUP, com Deyvid à frente exercendo democraticamente seu papel de sindicalista, protestou e  organizou a luta contra a venda da refinaria. Ele continua coordenador da entidade, em pleno exercício legal de seu mandato sindical, o que torna a punição ainda mais despropositada e absurda, caracterizando de forma clara o ato de perseguição. Deyvid liderou a categoria na greve contra o processo ilegal de privatização da unidade.

Atos repressivos contra lideranças políticas progressistas não podem continuar acontecendo sem o devido repúdio da sociedade. O episódio é mais um instantâneo desse triste cenário em que estamos inseridos, à mercê de um governo reacionário e truculento, como o de Jair Bolsonaro, que estimula o avanço de pautas conservadoras e a criminalização dos movimentos sociais. Essas práticas repressoras atacam a organização e luta dos trabalhadores e trabalhadoras, sobretudo os que defendem um projeto de nação que é oposto ao modelo excludente e de morte defendido pelas elites brasileiras.

A venda da RLAM representa para o país mais desemprego, precarização e muitas famílias sem condições mínimas para sobrevivência. Não iremos nos calar diante dessa arbitrariedade: prestamos solidariedade ativa ao nosso companheiro e oferecemos nosso apoio no que for necessário.

 

A DIREÇÃO DO SINTSEF-BA


SINTSEF

O Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público Federal no Estado da Bahia – SINTSEF/BA, foi fundado em 27 de agosto de 1989 e possui como lema ser: um elo de solidariedade e luta


Contate-nos

Ligue pra gente



Cadastre o seu e-mail


Tópicos