Arquivo de Notícias

ARQUIVO DE NOTÍCIAS

17/04/2019
NÚCLEOS REGIONAIS DO SINTSEF-BA PROMOVEM ASSEMBLEIAS DE MOBILIZAÇÃO.

17/04/2019 – Por conta do feriado da Semana Santa, o SINTSEF-BA e seus núcleos regionais estarão fechados nesta quinta e sexta-feira, 18 e 19/04. Mas a mobilização será retomada já no retorno do feriadão: o sindicato realiza a partir da próxima semana uma série de Assembleias Gerais de Base no interior do estado. Promovidas pelos Núcleos Regionais do Sindicato, as assembleias terão como eixos de pauta a divulgação dos últimos informes relativos à categoria, o debate sobre a conjuntura atual, com os desafios impostos para os trabalhadores e o processo eleitoral do SINTSEF-BA.

Nos dias 07 e 08 de maio serão realizadas eleições no SINTSEF-BA para a escolha da nova Direção Estadual e Conselho Fiscal do sindicato. O prazo para inscrição de chapas foi encerrado na última sexta-feira, 12. Apenas uma chapa foi registrada sob o nome “Resistência, Organização e Luta” (veja em nosso site a relação completa dos integrantes e cargos), o que reforça a trajetória de unidade na luta e superação das divergências que o sindicato vem construindo nos últimos tempos. Esta etapa é muito importante, pois é dessa maneira que o SINTSEF-BA busca consolidar a transparência do processo eleitoral e reafirma o interesse no fortalecimento da entidade, com a realização de um processo eleitoral integro e imparcial.

As atividades também são oportunas para organizar a luta contra a retirada de direitos, em especial contra a Proposta de Reforma da Previdência pretendida pelo governo Bolsonaro e atualmente em discussão no Congresso Nacional. A proposta é ainda pior que a apresentada em 2016, no governo Temer, que foi arquivada graças à pressão popular e os protestos dos trabalhadores que saíram às ruas e convenceram os parlamentares dos prejuízos que traria para a sociedade.

Agora não é diferente: a Reforma de Bolsonaro privilegia os bancos e grandes empresários para impor sobre os trabalhadores o pagamento da fatura. Entidades como a CUT e a CONDSEF/FENADSEF defendem que, antes de mais nada, o combate à sonegação, renúncias fiscais e a cobrança dos grandes devedores (alguns de cifras bilionárias) seja empreendido como forma de redução do alegado déficit. Ao invés disso, o governo Bolsonaro quer instituir a obrigatoriedade da idade mínima para a aposentadoria de 65 anos (homens) e 62 anos (mulheres), tanto do setor público como do setor privado. A PEC acaba com a aposentadoria por tempo de contribuição. Para o trabalhador se aposentar, precisa obrigatoriamente atingir a idade mínima. Também não leva em conta a desigualdade do mercado de trabalho  entre homens e mulheres e a dupla jornada (a de trabalho e a de afazeres domésticos) a que elas estão submetidas. Além de trabalhar mais e contribuir por mais tempo, as mulheres receberão apenas 60% do valor do benefício.

Não fique só, entre na luta! Junte-se a nós e venha dizer um BASTA a esse governo antidemocrático. Confira a relação de assembleias já agendadas:

23/04 – Terça-feira – 09h30 - Auditório do DNOCS Canudos

25/04 – Quinta-feira – 09h00 – Sindicato dos Bancários de Jequié

26/04 – Sexta-feira – 09h00 – Núcleo Regional de Saúde de Alagoinhas

29/04 – Segunda-feira – 09h00 – Auditório da Casa dos Conselhos – Itaberaba

03/05 – Sexta-feira – 08h30 – Auditório da Base regional de Saúde de Serrinha

06/05 – Segunda-feira – 09h00 – Auditório da Igreja Avivamento Bíblico – Feira de Santana