Arquivo de Notícias

ARQUIVO DE NOTÍCIAS

29/03/2019
ENTIDADES VÃO AO SENADO LUTAR CONTRA DESMONTE DA PREVIDÊNCIA.

29/03/2019 - A Comissão de Direitos Humanos do Senado realizou, na última terça-feira, 26, mais uma audiência pública para discutir os impactos da Reforma da Previdência na sociedade. O tema específico da mesa, que já debateu previdência rural e aposentadorias especiais, foi o Serviço Público. A CONDSEF/FENADSEF, que participou do evento com outras entidades, informou que ainda estão previstos encontros para tratar dos aposentados e pensionistas, do setor empresarial e da segurança pública.

Em linhas gerais, a reforma acaba com a aposentadoria por tempo de contribuição e impõe a idade mínima de 65 anos (homens) e 62 anos (mulheres) com o mínimo de 20 anos de contribuição ao INSS (atualmente são 15 anos). No caso dos professores, são 60 anos de idade e 30 anos de efetivo magistério. Para o trabalhador rural, são 60 anos de idade (homens e mulheres), 20 anos de contribuição com o pagamento mínimo de R$ 600,00 anuais ao INSS.

Os sindicalistas destacam que a Previdência Social é um direito fundamental e representa a garantia de uma proteção universal e solidaria para, o momento em que o indivíduo se encontrar em situação vulnerável, garantindo a cobertura social.

A reforma proposta por Bolsonaro penaliza especialmente as mulheres, ao ignorar todo o trabalho que elas têm fora do ambiente profissional, arcando com uma dupla jornada de trabalho. Estabelecer a idade mínima de aposentadoria de 65 anos para homens e mulheres é ignorar completamente a realidade da trabalhadora brasileira, que atua tanto no mercado de trabalho quanto no ambiente domiciliar, cuidando das tarefas domésticas e dos filhos. Igualar a idade mínima equivale a fingir que homens e mulheres dividirão as mesmas responsabilidades e as mesmas atividades, o que não corresponde com a realidade.

CALCULADORA

O DIEESE afirmou que a proposta de Reforma da Previdência reduz substancialmente o valor dos benefícios previdenciários, retarda o início da aposentadoria e restringe o alcance da assistência social. Buscando esclarecer dúvidas dos trabalhadores para que saibam quanto tempo precisarão trabalhar para se aposentar com valor integral ou terão para atingir a idade mínima e o tempo mínimo de contribuição, desenvolveu em seu site o projeto de uma calculadora da aposentadoria.

Visite e faça seus cálculos.
https://www.dieese.org.br/evento/calculadoraReformaPrevidencia.html