Arquivo de Notícias

ARQUIVO DE NOTÍCIAS

13/11/2017
Trabalhadores brasileiros foram às ruas contra ataques aos direitos trabalhistas.

13/11/2017 - Trabalhadores de todo o país marcharam na última sexta-feira, 10, contra o fim dos direitos imposto pela Reforma Trabalhista do governo Temer, que entrou em vigor neste sábado, 11. O Sintsef-BA mais uma vez foi às ruas ao lado de Centrais Sindicais e movimentos sociais e populares que defendem os interesses dos trabalhadores. A manifestação do Dia Nacional de Lutas parou os ônibus na capital baiana e fechou agências bancárias. Em Salvador, às 11 da manhã, a categoria saiu em caminhada do Campo Grande em direção à Praça Castro Alves. 

Em Serrinha-BA, o Núcleo Nordeste do Sindicato também participou de manifestações coletivas pela cidade. Em parceria com outras entidades e movimentos sociais e populares da região, promove um grande ato na Praça Luiz Nogueira. Os trabalhadores do Ministério da Saúde e da Funasa também compreenderam a gravidade do momento e resolveram aderir à luta. Outras reformas, como a da Previdência, também foram destaque nos protestos.

A manifestação atendeu o anseio dos trabalhadores/as brasileiros/as que, de acordo com a nova pesquisa CUT/Vox, rejeitam a reforma Trabalhista. O índice de rejeição às alterações impostas na reforma de Temer chegou a 81% contra apenas 6% que aprovam as mudanças.

“A nova Lei Trabalhista legaliza o bico, praticamente acaba com o vínculo empregatício, rebaixa direitos e coloca o trabalhador nas mãos dos empresários que financiaram o golpe em troca deste desmonte que só beneficia empresários. E quanto mais os trabalhadores se informam, mais rejeitam as mudanças”, afirmou o presidente da CUT, Vagner Freitas.

Confira mais imagens da mobilização na capital e interior em nosso site ou em nossa página no Facebook.