Arquivo de Notícias

ARQUIVO DE NOTÍCIAS

22/08/2017
Núcleo Nordeste debate retirada de direitos

22/08/2017 – O Núcleo Nordeste do Sintsef-BA realizou nesta terça-feira, 22, com o Fórum Municipal de Entidades de Serrinha, uma RODA DE CONVERSA para discutir a pauta: “Política Neoliberal e Retirada de Direitos: O Que Fazer?”. A ideia é ouvir a avaliação das entidades locais sobre o cenário político e econômico da contemporaneidade, debater ideias e traçar estratégias comuns de enfrentamento.

Em eventos assim, o Sintsef-BA busca construir a unidade também em nível regional e municipal, além de estimular o diálogo entre os diversos atores da sociedade. As entidades concordam que é preciso combater a despolitização, que faz com que setores da sociedade e até mesmo uma parcela dos trabalhadores não acreditem nas lutas por mudança e “comprem” sem questionar a versão dos fatos que é vendida pela mídia parcial. É preciso resistir e cobrar, responsabilizar quem deve ser responsabilizado: o governo, os patrões e as elites econômicas, o judiciário, entre outros, que se recusam a contribuir para a redução das desigualdades e para mudar o ordenamento social injusto.

O debate sobre as perdas dos direitos sociais e trabalhistas, por exemplo, requer também uma análise do acúmulo de riquezas, da concentração do poder social e direitos de propriedade do capital, porque estes elementos são dois lados da mesma moeda. Para lutar contra a pobreza extrema não se pode perder de vista a sua causa — a riqueza extrema.

A precarização dos serviços públicos, a desvalorização dos servidores, a deterioração dos direitos da classe trabalhadora e da sociedade implicam em mais pobreza, insegurança e decomposição social. Os impactos deste retrocesso para as camadas sociais mais vulneráveis são imensuráveis.

Para reverter este cenário, será preciso reagir e lutar. Os trabalhadores estão cansados de ser os “vilões” da vez e convocados a pagar os gastos do governo e por crises que não ajudaram a criar. Diante da iminência de mais um ano de arrocho, o Sintsef-BA, a CUT e a Condsef/Fenadsef e suas filiadas preparam uma nova mobilização nacional unificada para enfrentá-lo. Continuarão organizando as bases, ampliando a unidade, participando e apoiando ações de resistência por melhores condições de vida e de trabalho para os milhares de trabalhadores que representam.